Notícias

A cidade de Itajubá, no Sul de Minas, foi a escolhida para receber o primeiro cinema sustentável do país.

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias –  edição Jane Huscher

A cidade de Itajubá, no Sul de Minas, foi a escolhida para receber o primeiro cinema sustentável do país. Ela funcionará como município-teste para que este formato seja replicado em outras cidades pela rede de cinemas Cine A. Trata-se de um cinema de rua movido a energia solar, com reaproveitamento de água da chuva, estacionamento de bicicletas e espaços para recarga gratuita de carros elétricos.

O lançamento da unidade está previsto para o dia 12 de dezembro, já acompanhando a programação de cinema do país, com a exibição de lançamentos como Aquaman, O Retorno de Mary Poppins, Bumblebee e o nacional Detetives do Prédio Azul 2 – O Mistério Italiano.

São quatro salas de cinema, com capacidade para 700 pessoas. O complexo, instalado ao lado do Teatro Municipal com o objetivo de complementar o espaço cultural da cidade, ainda conta com dois restaurantes, academia, espaço para prática de Yoga, Slacline, meditação e dança. Ao todo, são 4.058 m² de área construída.

A cidade foi escolhida por causa do número de habitantes – são quase 100 mil, pelo perfil cultural e tecnológico e também pelo interesse da administração pública em receber o empreendimento. O terreno foi doado pela prefeitura à rede de cinemas e, como contrapartida, a empresa investiu mais de R$ 10 milhões na construção do espaço, o que gerou pelo menos 200 empregos indiretos e cerca de 50 postos de trabalho permanentes a partir de seu funcionamento.

Além disso, outros serviços e empresas podem ser anexados ao complexo nos próximos anos, desde que estejam em conformidade com os ideais do espaço. “Por exemplo, todas as empresas que trabalharam na obra tiveram que estar aliadas ambientalmente com o projeto. O próprio estilo de construção, que é o steel frame, foi escolhido por não gerar entulho. As operações, que queiram eventualmente fazer parte do complexo, têm que estar aliadas a estes ideiais de sustentabilidade também”, explica o gerente de marketing da Cine A, Fábio Sales.

agua anexados anos Chuva cidade cinema construção cultural empreendimento energia espaço estilo gerente lugares marketing município-teste perfil portal das gerais prefeitura programação reaproveitamento rua segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio serviços solar steel frame sustentabilidade sustentável teatro tecnológico