Notícias

A suprema corte da província da Colúmbia Britânica, no Canadá, concedeu liberdade por meio de pagamento de fiança para Meng Wanzhou, diretora financeira da empresa de telecomunicações chinesa Huawei.

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias –  edição Jane Huscher

A suprema corte da província da Colúmbia Britânica, no Canadá, concedeu liberdade por meio de pagamento de fiança para Meng Wanzhou, diretora financeira da empresa de telecomunicações chinesa Huawei, enquanto a executiva aguarda a resolução de um pedido de extradição apresentado pelos Estados Unidos.

O juiz William Ehrcke determinou que Meng, de 46 anos e filha do fundador da Huawei, Ren Zhenfei, seja libertada após pagar uma fiança de 10 milhões de dólares canadenses (US$ 7.5 milhões).

A decisão foi tomada poucas horas depois de Michael Kovrig, um ex-diplomata canadense que trabalha na China para a ONG International Crisis Group (ICG), ter sido detido em Pequim.

Meng foi presa pelo Canadá a pedido dos Estados Unidos no último dia 1º de dezembro, em Vancouver, quando viajaria para o México.

canadenses concedeu detido diretora dólares empresa ex-diplomata executiva extradição fiança financeira fundador horas huawei liberdade libertada pagamento pedido pequim portal das gerais segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio suprema corte telecomunicações viajaria