Notícias

As autoridades argentinas proibiram a entrada de mais de 400 torcedores em estádios de futebol, entre eles 284 do campeão da Libertadores River Plate, por casos de violência e revenda de ingressos.

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias –  edição Jane Huscher

As autoridades argentinas proibiram a entrada de mais de 400 torcedores em estádios de futebol, entre eles 284 do campeão da Libertadores River Plate, por casos de violência e revenda de ingressos.

No último dia 23 de novembro, véspera da partida de volta da Libertadores entre River e Boca Juniors, a polícia encontrou 7 milhões de pesos e 300 ingressos na casa de Héctor “Caverna” Godoy, um dos líderes da torcida organizada “Los Borrachos del Tablón”.

No dia seguinte, o ônibus do Boca foi atacado por torcedores do River. Jogadores ficaram feridos e a partida acabou suspensa e transladada para o estádio Santiago Bernabéu. O River venceu o confronto em Madri por 3 a 1.

Por conta da violência, desde 2013 a presença de torcedores visitantes é proibida em todas as categorias do futebol argentino. No entanto, a decisão não evitou as mortes: seis em 2018 e 139 nos últimos 20 anos, segundo ‘Salvemos al Fútbol’.

argentinas argentino autoridades campeão categorias confronto entrada estádios futebol ingressos líderes mortes ônibus organizada portal das gerais proibiram revenda segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio torcedores torcida violência