Notícias

Chanceler alemã Angela Merkel, chama “Tuíte” de Donal Trump de deprimente

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias –  editado  por Jane Huscher

A decisão de Donald Trump de retirar, através de um tuíte, seu apoio ao comunicado final da cúpula do G7 foi “deprimente”, declarou neste domingo (10) a chanceler alemã, Angela Merkel.

“É duro, é decepcionante esta vez, mas não é o fim” do Grupo dos Sete (Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Reino Unido, França, Itália e Japão), afirmou Merkel em uma entrevista à televisão pública alemã ARD.

“É deprimente, e para mim já é demais” dizer isto, ironizou a mandatária em alusão à sua tradicional prudência verbal.

Seu ministro de Relações Exteriores, Heiko Maas, havia declarado pouco antes que o presidente americano tinha destruído “uma grande confiança muito rapidamente em um tuíte”.

“Não, não acredito” que seja o fim da relação transatlântica, atenuou Merkel. “Esta anulação do comunicado é um passo decisivo, mas os Estados Unidos são uma democracia”.

Questionada sobre as ameaças de Trump de impor um aumento de tarifas aos veículos europeus e estrangeiros importados aos Estados Unidos, um setor estratégico para a Alemanha, a chanceler disse que esperava que se formasse uma frente comum europeia.

“Teremos que estudar o que temos que fazer, (…) espero que atuemos juntos como fizemos até agora” ante a introdução de tarifas dos Estados Unidos ao aço e ao alumínio europeus, continuou.

Em relação ao próximo grande encontro diplomático, a cúpula da Otan, em julho, Merkel disse que “não será fácil”, já que Trump acusa muitos países europeus, sobretudo a Alemanha, de não investirem o suficiente em defesa.

alemã alumínio ameaças canadá chanceler cúpula diplomático domingo encontro estados unidos estratégico estudar europeus frança itália japão otan países policia militar de minas gerais reino unido relação segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio setor tuíte