Notícias

Jovem ameaça atacar escola na Região Sul de BH

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias –  edição Jane Huscher

A Polícia Civil de Minas Gerais cumpriu mandado de busca e apreensão na casa de um jovem de 18 anos que divulgou na web um possível ataque à Escola Estadual Professor Leopoldo de Miranda, no bairro Santo Antônio, região Centro-Sul de Belo Horizonte. O mandado foi cumprido, nesse domingo (17).

A publicação, com tom de ameaça, foi realizada dois dias após o ataque em uma escola de Suzano, no interior de São Paulo, que deixou 10 mortos. Professores e funcionários retornaram às atividades nesta segunda-feira (18), (veja abaixo).

O estudante mineiro postou na web: “Leopoldo de Miranda, segunda tem”. Os policiais apreenderam, na casa do rapaz, duas réplicas de arma de fogo e uma faca que supostamente seriam utilizadas no ataque. Também foram recolhidos uma CPU do computador do jovem, um pen drive, celular e a caderneta escolar.

Apesar da ameaça de ataque, a secretaria da Escola Leopoldo de Miranda informou que a presença dos alunos foi normal nesta segunda.

A Patrulha Escolar foi intensificada na sexta-feira, data da publicação da mensagem do jovem, para “garantir a segurança na porta e proximidades”, conforme informou a SEE. Por decisão dos pais, o aluno foi transferido de escola e, segundo a direção, ele “se arrependeu do episódio” e disse que foi uma “brincadeira de mau gosto”.

Na semana passada, situação similar ocorreu com aluno de uma escola no bairro Horto, na capital. Ele fez menção a uma ameaça a sua sala de aula, com post nas redes sociais, mas depois que a Polícia Militar chegou até ele, alegou ser uma brincadeira de mau gosto.

Nota da SEE

A Secretaria de Estado de Educação (SEE) informa que está ciente e acompanha a situação que envolve uma ameaça feita por um aluno da Escola Estadual Professor Leopoldo de Miranda nas redes sociais, na sexta-feira (15/03). Imediatamente, a direção da escola tomou todas as providências necessárias e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil. Na sexta-feira a direção já tinha acionado a Polícia Militar para registrar boletim de ocorrência e intensificar a Patrulha Escolar, para garantir segurança na porta e proximidades da unidade de ensino.

A direção da escola informou que o aluno reconheceu que a postagem foi uma brincadeira de mau gosto e se arrependeu do episódio. O aluno, que é maior de idade, não tem histórico de transtornos na escola, mas devido aos fatos, os pais já solicitaram a transferência para outra unidade. As aulas na Escola Estadual Professor Leopoldo de Miranda ocorrem normalmente, nesta segunda-feira (18/03).

A SEE esclarece, ainda, que está em constante diálogo com as instituições de ensino para prestar a assistência necessária e realizar atividades para prevenir situações de violência no ambiente escolar e conscientizar sobre a importância do reconhecimento e da valorização das diferenças e das diversidades e possibilitar, por meio de estratégias pedagógicas preventivas, a boa convivência entre alunos, professores, gestores, funcionários e demais membros da comunidade escolar.

Com Agência Brasil

ameaça apreensão ataque caderneta celular corpo de bombeiros escola polícia civil policiais segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio