Notícias

Ministra Cármen Lúcia divulga nota sobre “disputa dos poderes”, no caso Lula

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias –   por Jane huscher

A ministra Cármen Lúcia, presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), declarou neste domingo (8) que a Justiça é “impessoal” e que os ritos do Poder Judiciário devem ser “respeitados”.

A nota foi divulgada em decorrência da polêmica causada pela decisão do desembargador plantonista do TRF-4, que determinou a soltura do condenado Luiz Inácio Lula da Silva.

Cármen Lúcia frisou que a democracia brasileira é segura e o que órgãos judiciários de cada região devem “garantir que a resposta judicial seja oferecida com rapidez e sem quebra da hierarquia”.

“A Justiça é impessoal, sendo garantida a todos os brasileiros a segurança jurídica, direito de todos. O Poder Judiciário tem ritos e recursos próprios, que devem ser respeitados. A democracia brasileira é segura e os órgãos judiciários competentes de cada região devem atuar para garantir que a resposta judicial seja oferecida com rapidez e sem quebra da hierarquia, mas com rigor absoluto no cumprimento das normas vigentes”, diz a nota da presidente do Supremo.

absoluto causada cumprimento declarou direito impessoal jurídica ministra nota oferecida polêmica portal das gerais presidente próprios recursos respeitados rigor ritos Segurança segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio supremo