Notícias

Morre em Manga (MG), Dona Joaninha, esposa do Sargento Olímpio, o militar mais idoso do Estado de MG

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias – por subtenente Marinho

CHEGA AO FIM UMA LONGA E LINDA HISTÓRIA DE AMOR

Morre em Manga, aos 95 anos, Dona Joaninha, esposa do Sargento Olímpio Martins, 109 anos, o homem mais velho da cidade e o mais velho militar do Estado de MG

Dona Joana dos Santos, a Dona Joaninha, foi a companheira do velho militar por 78 anos e, na noite desta terça-feira (3) esta bela, feliz e longa história de amor, chegou ao fim.

Dona Joaninha morreu em casa, serena e tranquila, de morte natural, rodeada por filhos, netos e amigos.

Sempre foi muito educada, gentil, carinhosa, prestativa e amiga de todos.

A menina Joana dos Santos, de apenas 14 anos, casou-se com o então Soldado Olímpio, com 29 anos, em Rio Pardo de Minas. O marido, preocupado, esperou por 10 anos para que a então menina Joaninha criasse mais corpo para poder engravidar e ter seu primeiro filho, já na cidade de Manga.

Tiveram nove filhos: Armindo, Neide, Elza, Maria da Ascenção, João Batista, José Olímpio, Cleonice, Raimundo e Geraldo. João Batista e Geraldo já são falecidos e José Olímpio e Raimundo são também sargentos da PM. O casal possui ainda 22 netos e 30 bisnetos.

Sargento Olímpio aprecia uma boa cachaça até os dias de hoje, que ele chama de “pileque”. E sua doce amada Joaninha era quem sempre servia sua dose diária pra lhe abrir o apetite.

O casal viveu uma linda e longa história de amor, com muito afeto, respeito, união e harmonia. Nunca tiveram uma única desavença durante os 78 anos de casados. Tratavam-se até os últimos dias de convivência com muito amor, paixão, carinho e amizade como se ainda fossem recém-casados.

Um exemplo de união, que vai deixar muitas saudades ao velho Sargento, a família, amigos, vizinhos e em toda a comunidade manguense.

A vida do Sargento Olímpio não será mais a mesma sem a sua amada. Com a saúde frágil e debilitada devido a idade avançada, prestes a completar 110 anos, ele vai precisar de cuidados especiais e muitas orações para manter-se firme. Por isso pedimos a todos que orem ao bom Deus para que ele possa suportar tão grande perda. Assim como toda a família que sofre e chora a perda de sua matriarca.

Nossos mais sinceros sentimentos ao Sargento Olímpio e toda sua família neste momento de tristeza e dor! Que Deus, em sua infinita bondade e misericórdia, receba a alma de Dona Joaninha e conforte os corações de todos da família, em especial do velho e querido Sargento Olímpio.

“Eu não sei senão amar-te,
Nasci para te querer.
Ó quem me dera beijar-te,
E beijar-te até morrer.”

– Fernando Pessoa

amor chega cidade conforte corações debilitada esposa família fim frágil história manga matriarca militar perda portal das gerais segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio sentimentos velho