Notícias

O acadêmico britânico Matthew Hedges, 31 anos, foi condenado à prisão perpétua ontem no Emirados Árabes Unidos.

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias – por Jane Huscher

O acadêmico britânico Matthew Hedges, 31 anos, foi condenado à prisão perpétua ontem no Emirados Árabes Unidos. Ele é acusado de espionagem para o Reino Unido, mas sua família afirma
que o estudioso estava no país apenas para pesquisa de dissertação. Hedges é doutorando na Universidade de Durham, na Inglaterra. A família diz que a audiência que condenou o jovem  durou cinco minutos e não teve a presença do advogado de defesa.

“Estamos, é claro, profundamente decepcionados e preocupados com o veredito de hoje (ontem)”, disse a primeira-ministra britânica, Theresa May, ao Parlamento. Ela e o ministro das Relações Exteriores, Jeremy Hunt, disseram que estão tratando do caso com os níveis mais altos do governo dos Emirados Árabes Unidos, informou a Reuters. O pesquisador foi preso em 5 de maio e mantido em solitária por quase seis meses antes da condenação.

A esposa de Hedges, Daniela Tejada, que estava presente na audiência, disse à CNN estar em “completo choque” e que seu marido “tremia quando ouviu o veredito”. De acordo com Daniela, o
pesquisador realizava entrevistas para sua tese de doutorado examinando as relações entre civis e militares sobre a Primavera Árabe.

acadêmico acusado afirma audiência britânico completo choque condenado condenou doutorando espionagem estudiosos família governo jovem perpétua pesquisa portal das gerais prisão segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio veredito