Notícias

Pacotes com bombas acendem alerta de segurança nos Estados Unidos

  • Nenhum comentário

Portal das Gerais- O seu portal de Segurança Pública e Notícias –  edição Jane Huscher

Os Estados Unidos entraram ontem no segundo dia de descoberta de novos pacotes com bombas. Depois do ex-presidente Barack Obama, da ex-secretária de Estado Hillary Clinton e outros democratas, as novas vítimas foram o
ator Robert De Niro, em Nova York, e o ex-vice-presidente Joe Biden, que recebeu dois pacotes em Delaware. Em comum, os alvos dos ataques, considerados terrorismo doméstico pelas investigações, têm a antipatia do presidente
Donald Trump.

A porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders, classificou como “vergonhosas” as acusações de que o republicano
possa ser o responsável pelos pacotes.  A autoria das misteriosas cartas ainda é desconhecida. Os investigadores não
sabem porque nenhuma delas explodiu, apesar de terem potencial para isso. Todas foram rastreadas antes de chegar
às mãos de seus destinatários.

Até a noite de ontem, dez pacotes com bombas caseiras haviam sido identificados. De acordo com a rede de TV “CNN”, investigadores disseram que várias dessas correspondências passaram pelo centro de processamento e distribuição na Flórida. Todas as cartas tinham como remetente o escritório também na Flórida da deputada  democrata Debbie Schultz. A ex-presidente do partido recebeu um dos pacotes que acabou voltando, mas era
destinado ao ex-procurador de Obama, Eric Holder. Depois pedir união após os primeiros casos, Trump voltou ao ataque ontem, com críticas à imprensa.  “Uma parte muito grande da raiva que vemos hoje na nossa sociedade é causada pelas reportagens propositalmente falsas e incorretas da mídia tradicional, às quais eu me refiro como ‘fake
news’”, tuitou.

ataque ator bombas correspondências democratas distribuição identificados incorretas investigadores mídia pacotes portal das gerais processamento recebeu reportagens segurança pública Minas Gerais policia civil MG portal das gerais rede gerais de radio sociedade