Notícias

PF investiga desvio de recursos no sistema prisional do Rio de Janeiro

  • Nenhum comentário

Por Redação Portal das Gerais

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 13de março, a Operação Pão Nosso, com o objetivo de investigar o desvio de recursos públicos e pagamento de vantagens indevidas em razão de contratos firmados por empresas do ramo alimentício com a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP/RJ). A operação é realizada em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF/RJ), Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e da Receita Federal do Brasil (RFB).

Cerca de 120 policiais federais e servidores da Coordenadoria de Segurança e Inteligência do MPF/RJ, do MPRJ, e da RFB cumprem 14 mandados de prisão preventiva, 10 mandados de prisão temporária e 28 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal/RJ. A ação ocorre nos municípios do Rio de Janeiro/RJ, Mangaratiba/RJ, Niterói/RJ, Duque de Caxias/RJ e Araras/SP.

As investigações, iniciadas há cerca de seis meses, indicaram a possível participação no esquema de um ex-secretário de administração penitenciária e de um delegado de polícia, diretor do Departamento de Polícia Especializada.

Os presos serão indiciados por corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, entre outros.

O nome da operação faz alusão aos pães feitos pelos detentos sob custódia da SEAP, cujo contrato para fabricação também teria sido utilizado para desviar recursos públicos.

 

corpo de bombeiros noticias de minas noticias do brasil policia civiil de minas gerais policia de minas gerais policia militar de minas gerais portal das gerais Rede Gerais de Comunica~ção rede gerais de radio Segurança Pública